Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Few days on land

Um retrato do dia-a-dia de uma jovem de viagens quase sempre musicais e nem sempre coloridas.

O último concerto da Feromona

Amanhã, Portugal despede-se da Feromona. A banda formada pelos irmãos Diego e Marco Armés, Bernardo Barata e João Gil reúne-se no Musicbox, às 22h30 para, juntamente com os fãs, se despedirem do projecto (os bilhetes custam 6 euros e podem ser adquiridos aqui). Com dois álbuns lançados, «Uma Vida a Direito» (2008) e «Desoliúde» (2010), a banda decidiu "que é tempo de terminar a marcha, que estava cada vez mais lenta", deixando, desta forma, o rock português mais pobre. No comunicado emitido pelos Feromona pode ainda ler-se: "O rock não se quer mansinho nem trôpego, no rock só a vertigem faz sentido. E a Feromona nasceu, viveu e há-de morrer no rock porque não foi nem saberia ser outra coisa nem mesmo a mesma coisa de outra maneira". Bem dito!

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.