Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Few days on land

Um retrato do dia-a-dia de uma jovem de viagens quase sempre musicais e nem sempre coloridas.

É importante falar da vitória de João Sousa!

Depois de assistir aos telejornais da RTP, SIC e TVI neste início de tarde de Sábado, gostava de dar os meus parabéns à RTP por ter mencionado a passagem do tenista português João Sousa à 3ª ronda do US Open. Foi o único canal generalista de televisão que mencionou esta vitória, a maior da carreira de João Sousa até hoje, e uma vitória de todos os portugueses, uma vez que nunca antes um tenista português tinha chegado tão longe neste torneio. Relembro também que nesta fase o melhor tenista nacional da actualidade irá defrontar o líder mundial do ténis, Novak Djokovic, algo que, independetemente do resultado, lhe vai dar mais reconhecimento internacional.

De facto, já é normal que a RTP seja a televisão que  mais diversifica as notícias em torno das diferentes modalidades desportivas. Portugal não é um país de futebol. Portugal é um país de desporto. Para além disso, é um país que se orgulha das suas vitórias, principalmente quando vencemos internacionalmente. Somos um país pequeno, mas temos provado que somos enormes em talento.  

João Sousa é, actualmente, 95.º no Ranking ATP. No entanto, venceu dois tenistas do top 50 do mesmo ranking numa semana, Grigir Dimitrov (29.º) e Jarkko Nieminen (41.º). Não é o mesmo que jogar contra Novak Djokovic? Certamente que não é. Estamos a falar de um campeão, não de uma época mas de várias. João Sousa já fez saber que "todos têm os seus dias maus" e é verdade. Tudo pode acontecer.  

Ainda sobre a escolha da TVI e da SIC não noticiarem esta vitória, gostava de referir que não foi por falta de tempo uma vez que noticiaram a afluência à estreia do documentário dos One Direction ou a primeira aparição pública da Princesa Kate depois de ser mãe. 

Porque é que era importante falar sobre a vitória de João Sousa?

Razão 1: Se a Selecção Nacional ou algum dos clubes de futebol estivessem nos oitavos-de-final, nos quartos-de-final, na semifinal ou na final de competições e eventos desportivos eram "criados" programas destinados a incentivar os jogadores com o orgulho de ser português e de querer ser melhor que os outros. Não tenham dúvidas que esse apoio era essencial para um tenista de 24 anos que também está a defender as cores da nossa bandeira num torneio do Grand Slam, que tem feito excelentes resultados esta época e, mais importante, pode vencer Novak Djokovic. Ajudava avisarem que João Sousa irá jogar, já amanhã, com o melhor jogador do mundo da actualidade e que esse jogo irá ser transmitido pela EuroSport. Vai também ser comentado, em directo, pelos principais jornais desportivos portugueses.

Razão 2: É mais uma grande conquista para a carreira de João Sousa, para o ténis português e um verdadeiro orgulho para quem gosta de desporto. 

Razão 3: O Presidente da Federação Portuguesa de Ténis, Vasco Costa, disse: «Este triunfo é muito importante para o desenvolvimento da modalidade em Portugal, para atrair os jovens para a prática desde desporto». A verdade é que nos últimos anos, com as conquistas de Frederico Gil, Rui Machado, João Sousa e Gastão Elias, o ténis é um desporto mais presente nos interesses dos portugueses. Um facto que pude constatar quando tive a oportunidade de estar no Estoril Open, agora Portugal Open e quando assisti a encontros para a Taça Davis (competição entre selecções de ténis). 

Razão 4: Hoje começa o fim-de-semana, o que quer dizer que existe a possibilidade de a notícia ser vista por mais pessoas (se não for na hora, a tecnologia permite-nos ver mais tarde ou até na internet).  

Tentem ser mais justos com as modalidades, pelo menos a nível nacional. Obrigado!

 

Mais uma vez, parabéns João! Boa sorte para amanhã. Não vou perder um único segundo deste jogo. Let's go João, let's go! ;)   


(Fotografias de Maddie Meyer/Getty Images North America retirdas daqui)

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.