Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Few days on land

Um retrato do dia-a-dia de uma jovem de viagens quase sempre musicais e nem sempre coloridas.

Diário de um mestrado #3: As insónias (e a solução)

 

Se há coisa que acaba com as insónias de qualquer pessoa é estudar. Acreditem.

Actualmente não sei o que é não ter sono e em vez de contar "carneirinhos" ando a contar os segundos para o fim do semestre para poder dormir descansada e o tempo suficiente, e que é recomendado como necessário para o nosso bem-estar e saúde, porque já não sei muito bem o que é isso.

Portanto, se há um conselho que posso dar às pessoas que sofrem com insónias é esse: estudar. Acho, sinceramente, que se pode estudar qualquer coisa a este ritmo que se vai dormir melhor. Não há como não dormir, a sério. Não há como não andar sempre a bocejar, a cair (muitas vezes literalmente) de sono e a gastar todo o tempo livre - que já por si é praticamente inexistente - a arranjar horários para dormir. É uma luta constante!    

 

 

P.S. Escrevo-vos às 10 da manhã porque hoje é só mais um dia de repleto de trabalhos e apresentações e estudo e de, mais uma vez, dormir muito pouco.