Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Few days on land

Um retrato do dia-a-dia de uma jovem de viagens quase sempre musicais e nem sempre coloridas.

A melhor cover de 2016

a_melhor_cover_2016_few_days_on_land.jpg

 

Este ano foi bastante complicado escolher a melhor cover de 2016 e, por isso mesmo, não temos uma mas sim duas versões no 1.º lugar deste top, ex-aequo. De um lado está uma jovem artista ainda no começo de carreira, Gordi, que soube trabalhar com mestria a canção 'Avant Gardener', da não menos jovem Courtney Barnett. Admito que esta não é uma das minhas canções favoritas de Courtney mas na voz de Gordi fica magistral. Descobri esta artista por acaso no Spotify (where else?!) e fiquei fã. O verdadeiro nome dela é Sophie Payten, tem 23 anos e é de Sydney. Esta é também uma das boas descobertas de 2016. Por outro lado temos uma artista já muito reconhecida e acarinhada pelo Mundo fora. As suas excelentes capacidades vocais são inegáveis (e, por vezes, até um pouco anormais para um ser humano) e estão comprovadas no Youtube pelos vídeos das suas actuações ao vivo. Falo-vos da mestria de Florence Welch que este ano deu voz a um clássico que eu adoro: 'Stand By Me', uma canção original de Ben E. King, lançada nos anos 60 do século XX. A versão de 'Stand By Me' dos Florence + The Machine foi gravada para o jogo de acção Final Fantasy XV e faz parte de um conjunto de versões pensadas pela banda para esse jogo. De todas esta é sem dúvida a melhor (e olhem que uma delas, a 'I Will Be', tem samples dos The xx, daí que podem perceber como gostei deste 'Stand By Me').  

 

 

 

Alguém tem outra sugestão para a melhor cover de 2016?

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.