Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Few days on land

Um retrato do dia-a-dia de uma jovem de viagens quase sempre musicais e nem sempre coloridas.

O desafio da infância

Agradeço ao simpático blogger Fábio, do vamosfalardequê, que me nomeou para este desafio, com o qual se pretende relembrar tempos antigos, que mesmo não sendo muito velhos, por assim dizer, não deixam de ter piada. É sempre engraçado lembrar quem éramos e como era a nossa vida em criança o que, simplificando e dando "umas quantas opiniões", não é mais do que um eterno quero voltar para a ilha 

 

[P.S. não me tinha dado conta de que a Ana, do blog Distinta também me tinha nomeado para este desafio. Vi hoje quando fui rever os links para o blog. Desculpa Ana e muito obrigada por também te lembrares sempre de mim!!]

 

1. Um filme da minha infância
Titanic: um drama marcante = medo de barcos! 


2. Uma série da minha infância
Inspector Gadget. Adoro a música e fartava-me de rir com a interpretação do senhor. Ainda hoje gosto de ver.


3. Uma música da minha infância
Uiii... Tinha tantas para mencionar neste capítulo e nenhuma iria abonar em favor de um suposto gosto musical eclético a que a humanidade deve estar sujeita, porque isso para uma criança não existe. Qualquer música que mencionasse, portanto, iria de certo ser um alvo fácil para piadas. Ainda assim: "Meu universo és tu", dos Milénio.  


4. Uma brincadeira da minha infância
Gostava bastante de jogar Mikado, serve? 


5. Um amigo da minha infância
A minha irmã e qualquer um dos meus primos da família da parte da minha mãe.


6. Um momento da minha infância
Almoços de fim-de-semana no terraço. As minhas cadelas lindas.


7. Um sonho de infância
Ser jornalista. Fui e deixei de ser, em parte. Os sonhos também mudam.

 

 

Não vou nomear ninguém, porque sei que já toda a gente respondeu a isto. Devo ser a atrasada aqui dos blogs do sapo, mas só consegui responder agora! 

2 comentários

Comentar post