Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Few days on land

Um retrato do dia-a-dia de uma jovem de viagens quase sempre musicais e nem sempre coloridas.

Reciprocidade

Se não o sabes, é nos piores momentos que percebes quem são os teus amigos e quem se preocupa contigo. Nem sempre são as pessoas de quem tu és amiga e com quem te preocupas. Tem sempre isso em atenção e procura não te importares demasiado com quem não tem sensibilidade para te compreender. É uma perda de tempo e não estamos aqui para isso. Estamos aqui para aproveitar o nosso tempo com quem realmente gosta de nós e com quem faz questão de demonstrar-nos que a compreensão pode ser mútua, com os amigos que percebem quando estás a viver um momento menos bom e apoiam-te, no matter what. O tempo é pouco, não te preocupes com certas coisas, não te preocupes com certas pessoas. 

Porque às vezes uma palavra de incentivo basta

No final da semana passada, depois do dia de trabalho e preparando-me para as horas de estudo que se lhe seguem diariamente, ouvi algo que precisava ouvir mas de alguém que nunca pensei que pudesse verbalizá-lo:

"Joana, tenho muito orgulho em ti. Se mais ninguém tiver, eu tenho!"

 

 

Inicialmente, fiquei sem reacção. Não estava à espera de ouvir aquilo. Nunca. Depois, ganhei a força que me faltava para 4 horas de estudo. É certo que este trabalho é para mim e as horas que lhe dedico são horas da minha vida. Mas caraças... Ninguém faz um trabalho destes sozinha. Ninguém.