Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Few days on land

Um retrato do dia-a-dia de uma jovem de viagens quase sempre musicais e nem sempre coloridas.

Um ano de Few days on land!

O Few days on land comemora hoje o seu primeiro ano de existência e eu não podia estar mais feliz com tudo o que me tem proporcionado desde o dia 11 de Abril de 2013. Ultimamente é mais complicado actualizá-lo. O trabalho e a universidade têm ocupado praticamente todo o tempo que tenho, obrigando-me a relegar a escrita e o blog para terceiro e quarto lugar da minha vida. Mas não podia deixar passar esta data.

Com o Few days on land tenho descoberto muitas pessoas e opiniões interessantes, muitos blogs que vale a pena ler e seguir. Descobri projectos, novas bandas, novos locais, novas perspectivas. Mas houve algo que este blog me mostrou e eu não esperava por isso: o Few days on land mostrou-me muito mais de mim do que eu conhecia. 

O blog nasce da minha necessidade de escrever e dar a minha opinião sobre diversos assuntos e do incentivo das pessoas especiais que tenho na minha vida. Assim, OBRIGADA a todas elas (elas sabem quem são, não precisam que as apresente aqui). Mas deixem-me especificar um nome: Professora Joana. Obrigada pelas palavras de incentivo, obrigada pelos conselhos e por me ajudar a seguir o melhor caminho desde o início da minha vida profissional. Devo-lhe muito de quem sou hoje a nível profissional (e consequentemente a nível pessoal) e nunca esquecerei isso! Obrigada ainda por me incentivar a criar este cantinho. É por tudo isto que agradecer-lhe nunca será demais!    

O Few days on land trouxe-me também cada pessoa que passou por este espaço quer isso tenha acontecido todos os dias, uma vez por semana, uma vez por mês ou apenas no dia de hoje. Neste mundo dos blogs todas as visitas são importantes. Não está em causa a popularidade mas sim o facto de "sermos lidos". É isso que, na minha opinião, é o mais importante. Porque é difícil que alguém que escreva nesta plataforma e tenha os seus textos públicos diga que escreve só para si. Por isso, OBRIGADA e todos e cada um de vós, ao Sapo e à Equipa dos Blogs do Sapo, pela visita, pela leitura, pelo comentário, por todas as reacções, pelo "Gosto" no Facebook do blog ou por se tornarem seguidores do Few days on land no Instagram. Foi um ano diferente, com trinta e uma mil coisas do inesperado, mas foi um ano mais feliz por tudo isto. Agradeço-vos, então, este ano maravilhoso.  

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.